Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Palavra de escuteira

De que valem as palavras se forem apenas ditas, se não forem sentidas, se não forem intencionais e se não nos soubermos expressar através delas? A chama da aventura. Decisões e caminhos divergentes. O meu quotidiano.

Palavra de escuteira

De que valem as palavras se forem apenas ditas, se não forem sentidas, se não forem intencionais e se não nos soubermos expressar através delas? A chama da aventura. Decisões e caminhos divergentes. O meu quotidiano.

Pois...

Fazemos escolhas.

Escolhemos ir por um caminho e não pelo outro. Decidimos agir assim perante determidada situação. 

E isto até é tudo muito bonito, não fossem aquelas muitas vezes em que nos arrenpendemos. E o problema disto tudo é que nem sempre a culpa é nossa, mas somos nós que temos de engolir o orgulho e seguir em frente, falar sobre isso e fingir que nada se passou. 

Sim, eu sei. Há vezes em que custa mais do que outras, mas "ninguém disse que era fácil".

2 comentários

Comentar post